segunda-feira, 27 de agosto de 2007

"Provo desta maneira ao mundo odiento
Pelas grandes razões do sentimento,
Sem os métodos da abstrusa ciência fria
E os trovões gritadores da dialética,
Que a mais alta expressão da dor estética
Consiste essencialmente na alegria."


trecho de "monólogo das sombras", primeiro poema de "EU", de Augusto dos Anjos.

não sei se estou entendendo bem o livro, sabe n.n'
mas tô gostando =)

Nenhum comentário: