domingo, 25 de março de 2007

Agora a pouco eu chorei.
Não aquele choro sentido, doído, não, nada disso.
Aquele choro singelo, diário, aquele sim.
Não foi, pois, aquele dos injustiçados, da vítima.
Foi um choro simples, meia dúzia de lágrimas
a cabeça latejante
com vontade de tornar tudo bem de novo.
Foi um choro rápido, suficiente apenas para o início de um texto.Nada mais.

Um comentário:

kassia disse...

É bom chorar. Mesmo. Pode parecer q não, mas alivia uma parte da nossa dor. Só não esquece q tb eh bom sorrir, viu?